APRESENTAÇÕES DISPONIBILIZADAS

Página dedicada em disponibilizar apresentações de palestras e eventos, realizados pelo CRA-RJ.

Saiba mais 

LINKS ÚTEIS

Página dedicada em disponibilizar links úteis e importantes, que auxiliem na busca por informações.

Saiba mais 

SALA DE IMPRENSA

AdministrAção Digital, CRA-RJ na Mídia, Galeria de Fotos …

Saiba mais 

FAQ – Perguntas Frequentes

Página dedicada em disponibilizar perguntas e respostas, que possam auxiliar na busca por informações.

Saiba mais 

Insígnias da Profissão

//Insígnias da Profissão
Insígnias da Profissão 2017-09-05T10:32:43+00:00

Instituição do Dia do Administrador

A 9 de setembro é comemorado o Dia do Administrador, pois foi neste dia, em 1965, que a Lei 4.769 institucionalizou a profissão, sancionada pelo Presidente da República Humberto de Alencar Castello Branco. A Lei foi publicada no Diário Oficial da União em 13/09/65.Anualmente, acontecem, em todo o Brasil solenidades alusivas ao DIA DO ADMINISTRADOR. Os CRAs realizam eventos, debates e diversas premiações.

O Juramento do Administrador

Prometo dignificar minha profissão, consciente de minhas responsabilidades legais; observar o Código de Ética, objetivando o aperfeiçoamento da Ciência da Administração, o desenvolvimento das instituições e a grandeza do homem e da pátria. (Aprovado pela Resolução Normativa CFA número 201/98)

Oração do Administrador

Senhor, diante das organizações devo ter CONSCIÊNCIA de minhas responsabilidades como ADMINISTRADOR.

Reconheço minhas limitações, mas humildemente, junto com meus companheiros de trabalho busco o consenso para alcançar a SOLUÇÃO e tornar o trabalho menos penoso e mais produtivo:

Senhor, despido de egoísmo quero crescer, fazendo crescer, também, os que me cercam e que são a razão de minha escolha profissional;

Senhor, ADMINISTRE o meu coração para que ele siga o caminho do bem, pois, a mim caberá realizar obras sadias para tornar as organizações cada vez melhores e mais humanas.

A Pedra do Administrador

A safira azul escura do anel do Administrador, denominada safira oriental, é um mineral que pertence à classe dos óxidos, grupo corindou. É denominada corindo ou coríndon nobre por sua transparência e coloração pura. Neste grupo encontramos também o rubi oriental. Estas pedras são encontradas no Sião, na Birmônia, em Madagascar e no Brasil. Com fundamento no símbolo, o anel do Administrador deverá ter em um de seus lados o símbolo da profissão do Administrador.

O Anel do Administrador

O Anel do Administrador tem como pedra a safira de cor azul-escura, pois é cor que identifica as atividades criadoras, por meio d as quais os homens demonstram sua capacidade de construir para o aumento de suas riquezas, tendo em vista suas preocupações não serem especulativas.

Em um dos lados da pedra safira deverá ser aplicado o Símbolo da Profissão do Administrador.

O Patrono dos Administradores

A 11 de maio de 1990, o Plenário da 12ª Reunião do Conselho Federal de Administração aprovou o nome de Belmiro Siqueira como o Patrono dos Administradores.

A intenção maior foi homenagear, in memorian, o cidadão, o professor, o profissional que tanto fez pelo desenvolvimento da Administração, valorizando e dignificando toda uma categoria.

Dono de um currículo invejável, o professor Belmiro, como era conhecido, soube fazer uso de sua vocação: foi um dos introdutores do curso de Administração no país; atuou, por muitos anos, como diretor-geral do DASP; coordenou a reforma administrativa do Ministério da Administração; publicou diversos trabalhos técnicos; lecionou em 25 universidades brasileiras; presidiu o CFA.

Mas outras homenagens também foram feitas. Em 1988, foi instituído o Prêmio Belmiro Siqueira de Administração, destinado a estudantes de Administração e aos Administradores que se destacaram profissionalmente, a nível nacional.

O Prêmio contempla quatro modalidades distintas de participação (Livre, Monografia, Livro e Artigo), além de premiar os três primeiros colocados.

O Símbolo da Profissão

O Símbolo escolhido para identificar a profissão do Administrador tem a seguinte explicação, justificada pelos seus autores, Marcos Jair Bento, Heloisa Hennemann e Cacilda da Silva Machado:

“O quadro como ponto de partida: uma forma básica, pura, onde o processo de tensão de linhas é recíproco. Sendo assim, os limites verticais/horizontais entram em processo recíproco de tensão.

Uma justificativa para a profissão, que possui também certos limites em seus objetivos: organizar, dispor para funcionar, reunir, centralizar, orientar, direcionar, coordenar, arbitrar, relatar, planejar, dirigir, encaminhar os diferentes aspectos de uma questão para o objetivo comum.

O quadrado é regularidade, possui sentido estático, quando apoiado em seu lado, e sentido dinâmico, quando apoiado em seu vértice (a posição escolhida).

As flechas indicam um caminho, uma meta, a partir de uma premissa, de um princípio de ação (o centro).

As flechas centrais se dirigem para um objetivo comum, baseado na regularidade, as laterais, as metas a serem atingidas”.

Logotipo CRA-RJ

Download do Logotipo CRA-RJ

Logotipo Sistema CFA/CRAs

Download do Logotipo Sistema CFA/CRAs
X